Golfinhos aparecem em Itacoatiara

Na semana passada, quem curtia o sol na praia de Itacoatiara, na Região Oceânica de Niterói, teve uma grata surpresa: cerca de 15 golfinhos-de-dentes-rugosos nadaram próximo à costa. Segundo especialistas, essa época do ano é propícia para a aparição. Inclusive, a passagem deles pela praia de Itaipu, também na Região Oceânica de Niterói, já foi noticiada aqui no blog do ebolso. Serão sempre bem-vindos!

2ª edição da Copa Rio Beach Tennis em Piratininga

Em sua 1ª edição, em 2017, a Copa Rio Beach Tennis contou com mais de 700 atletas inscritos de 12 países diferentes. O torneio foi um sucesso total de público e crítica, tornando-se o segundo maior torneio de Beach Tennis do mundo. E, neste ano, a competição ficou ainda melhor. Serão 5 dias de um evento que é muito mais do que um torneio de Beach Tennis. Feira de artesanato, praça de alimentação, jogos noturnos, shows ao vivo, produtos exclusivos, entre outros. A 2ª edição ocorrerá entre os dias 27/4/18 e 1º/5/18, na praia de Piratininga, na Região Oceânica de Niterói.

Itacoatiara receberá etapa do circuito brasileiro de bodyboarding

A 2ª etapa do circuito brasileiro de bodyboarding será realizada na praia de Itacoatiara, na Região Oceânica de Niterói. Após alguns anos sem coroar um campeão nacional e com a disputa de apenas uma etapa em 2017, o bodyboarding vai voltar a ter um circuito brasileiro. De acordo com a Confederação Brasileira de Bodyboard, a 2ª etapa do circuito ocorrerá do dia 28/06/2018 até o dia 01/07/2018. É bom ver o esporte se consolidando na cidade – no ano passado, a Região Oceânica recebeu os melhores bodyboarders do mundo, no Itacoatiara Pro.

Projeto “Curta, Praia” chega a Piratininga

Chegou a vez da Praia de Piratininga, na Região Oceânica de Niterói, receber o projeto “Curta, Praia”, da Globo. O evento será realizado no dia 3/2/18 e oferecerá, entre outras atividades, aula de Zumba com a participação de Érika Moura, a Globeleza, e show de Armandinho. A partir das 9h, o público poderá participar de aulas de yoga, recreação esportiva, futevôlei, futebol, vôlei e alongamento. A partir das 17h, haverá aula de Zumba com a participação de Érika Moura. Também serão disponibilizadas cadeiras anfíbias que facilitam o acesso e o mergulho ao mar para pessoas com deficiência. O encerramento ocorrerá com show do cantor Armandinho, programado para começar às 18h.

Conheça o Parque Estadual da Serra da Tiririca

O Parque Estadual da Serra da Tiririca, localizado entre Niterói e Maricá, está numa área de aproximadamente 3.493 hectares e abrange várias atrações turísticas da Região Oceânica, como Costão de Itacoatiara, Morro Alto Mourão, sítio arqueológico (em Itaipu) e Morro das Andorinhas. Ele pode ser visitado todos os dias. No Parque, você poderá deslumbrar as belas paisagens de nossa cidade e praticar esportes – como rapel e tirolesa, na Enseada do Bananal -, além de explorar as várias trilhas abertas ao público – a propósito, há um tour baratinho saindo no próximo dia 28 de janeiro, para desbravar os segredos do Morro das Andorinhas. Não perca.

Sistema de estacionamento rotativo em Piratininga

A partir de 15/12/17, Piratininga passará a contar com sistema de estacionamento rotativo. O sistema funcionará das 7 às 19 horas, às sextas-feiras, sábados, domingos e feriados, com cobrança de R$ 5 por 4 horas. Serão cobrados, no máximo, 2 períodos de 4 horas. Já os que estacionarem por até 2 horas pagarão R$ 3,50. O estacionamento rotativo também funcionará nas demais praias da Região Oceânica de Niterói – em Itacoatiara serão oferecidas 1.100 vagas; Camboinhas terá cerca de 1.050; Piratininga, 685; e Itaipu, 250.

Tirolesa em Itacoatiara

A Enseada do Bananal tem servido de palco para a 1ª tirolesa ao ar livre de Niterói. A tirolesa – de 40 metros de altura – foi aberta ao público há menos de um ano. O acesso é feito pela trilha da Enseada do Bananal, na praia de Itacoatiara, na Região Oceânica. Atualmente, o equipamento é liberado uma vez por mês – os interessados podem tomar conhecimento das datas pelo Facebook, na página “Rapel e Tirolesa em Itacoatiara”. A meta, porém, é disponibilizar a atração com uma frequência maior, de 15 em 15 dias.